Foto: Fábio Ulsenheimer/Secom

O tráfego intenso, em especial nos horários de pico, tornou a esquina das Ruas Haroldo Hamilton e Dom Pedro II, no Parque Ecológico Diva Paim Barth, um ponto de conflito no trânsito toledano. Para buscar uma solução, a Prefeitura de Toledo, por meio da Empresa do Desenvolvimento Urbano e Rural de Toledo (Emdur), iniciou nesta terça-feira (15) a construção de uma rotatória com o intuito de melhorar o fluxo de veículos e pedestres no local.

Devido aos trabalhos, o trânsito no local estará impedido nos próximos dias. O diretor superintendente da Emdur, Ascânio Butzge, afirma que já foram tentadas alternativas para melhorar a trafegabilidade na região, como a implantação de uma travessia elevada, porém não houve sucesso. “A cidade cresce, o volume de veículos aumenta e acabam surgindo gargalos que a Secretaria de Planejamento e Urbanismo, juntamente com o Departamento de Trânsito (Deptrans) precisa resolver”, explicou.

Ascânio acrescenta que a melhora do fluxo torna a circulação nas ruas mais viável, atraindo mais público para a região, fortalecendo o comércio e atendendo de forma mais satisfatória as pessoas que transitam para o lazer. “Havia sempre congestionamentos. Quem vinha pela Dom Pedro II, em horários de pico, tinha dificuldade para acessar a Haroldo Hamilton, passando em frente ao Shopping [Panambi]. A rotatória dá mais fluidez ao trânsito, além de oferecer também mais segurança para pedestres e demais usuários das vias”, comenta. 

A previsão é que até a sexta-feira (18) as intervenções estruturais estejam concluídas, liberando o tráfego em sua totalidade. “Após iniciamos as obras de acabamento, dando uma ornamentação alinhada com o nosso cartão postal, além da pintura e implantação da sinalização viária”. O investimento é de R$ 125 mil. “Apesar do investimento ser considerado baixo, o impacto social desta obra é enorme”, concluiu Ascânio.

Foto: Divulgação/Secom

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação