O Dia do Jovem, lembrado em 13 de abril, será especial em Toledo. A Secretaria Municipal da Juventude aproveitará a data para o pontapé inicial no Bora Lá, programa que norteará as ações da pasta pelos próximos anos. A primeira delas já terá início no dia seguinte: o retorno do calendário de matrículas das atividades oferecidas para o público desta faixa etária – interrompido em virtude das restrições decorrentes do agravamento da pandemia do novo coronavírus.

Com marca produzida pela Secretaria de Comunicação, o Bora Lá é um “guarda-chuva” que cobre projetos em 11 frentes de atuação, as quais estão em consonância com as políticas públicas estabelecidas pelo Estatuto da Juventude (Lei 12.852/2013).  

A secretária da Juventude, Jennifer Teixeira, explica que este programa consolida conquistas deste público no decorrer da História. “Entre estes direitos nós podemos citar saúde, educação, esporte, lazer, cultura, trabalho, qualificação profissional, os quais precisam ser contemplados mediante políticas públicas. Aqui em Toledo temos dois Centros da Juventude, que são espaços para referência para a execução destas diretrizes e o programa Bora Lá vem para agregar uma organização, um norte de como nós vamos executar estas ações, algumas que vinham sendo construídas ao longo do tempo e como podemos fazer para essas políticas de fato atinjam os jovens”, descreve.  

Jennifer destaca as mudanças que o “Bora Lá” pretende causar na vida do público que está na faixa etária dos 12 aos 29 anos. “Tudo que for visto com o selo ‘Bora Lá’ significa que ali está uma atividade voltada para jovens. Essas atividades vêm no sentido de ampliar o horizonte dos jovens, mostrar a eles que existem caminhos e mostrar à sociedade que a juventude está, sim, preocupada e interessada, e que é possível fazer a diferença na vida deles com tais ações”, pontua. 

Atividades

Com o quadro epidemiológico referente à Covid-19 em Toledo menos grave, a Secretaria da Juventude inicia nesta quarta-feira (14) as matrículas das atividades oferecidas a pessoas com idade entre 12 e 29 anos. “O retorno às atividades presenciais será gradual, a partir do dia 19, próxima segunda-feira. À medida que a situação for melhorando, vamos ampliando o número de turmas e de alunos, mas sempre cumprindo com todas as normativas da Secretaria de Estado da Saúde e o nosso plano de contingência que está sendo estudado pelos profissionais da nossa secretaria”, observa. “É importante dizer que, por enquanto, nós não teremos ainda a cessão de uso dos espaços, tendo em vista que o momento ainda nos pede muita cautela. Quando houver um pouco mais de segurança sanitária e a presença de  profissionais que garantam que os protocolos sejam cumpridos, aí vamos retomá-las”, explica.

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação