Fernanda Fetter teve sua trajetória à frente da 5ª Essência Fetter Company reconhecida pelo Prêmio Jornada, que foi promovido pela Secretaria da Comunicação Social e da Cultura do Estado do Paraná e faz parte das ações da Lei Aldir Blanc

O resultado final do edital Prêmio “Jornada em Reconhecimento à Trajetória” foi divulgado pela Secretaria da Comunicação Social e da Cultura do Estado do Paraná em dezembro. Foram contemplados diversos artistas e agentes culturais do estado do Paraná em várias linguagens artístico-culturais.

A artista Fernanda Fetter se classificou no segmento Hip Hop, com o projeto “5ª Essência Fetter Company – 15 anos expressando e valorizando a cultura Hip Hop no Oeste do Paraná”, escrito e gerenciado pela produtora e agente cultural Mariana Gouveia, que também atua em Toledo.

Fernanda Fetter, de 28 anos, é professora de dança e diretora da 5ª Essência Fetter Company, projeto que surgiu em 2005 no Colégio Estadual Dario Velloso em Toledo e do qual Fernanda está à frente desde 2007. De lá pra cá Fernanda e a 5ª Essência se profissionalizaram, a Cia de dança que valoriza a cultura hip hop como identidade cultural através da dança, como um estilo de vida e como vetor para se afirmar como sujeito social, tem forte atuação em Toledo, onde já chegou a atender cerca de 150 crianças, jovens e adolescentes.

Atualmente a Cia de Dança, que conta com mais 4 professores além de Fernanda, realiza espetáculos, workshops e audições locais, além de participar de competições de dança regionais, nacionais e internacionais, proporcionando a seus integrantes a oportunidade de ampliar seus horizontes, conhecer novos lugares e de se profissionalizar através da arte.

Para Fetter, ter seu trabalho reconhecido em um Prêmio de nível estadual com tantos projetos e artistas é uma grande honra: “Esse reconhecimento nos dá ainda mais força e inspiração para seguir em frente e continuar valorizando a cultura hip hop através da dança e da arte!”. A responsável pela inscrição do projeto premiado, Mariana Gouveia, também se mostrou satisfeita com os resultados: “Foram dias de trabalho para organizar toda a brilhante trajetória da Fernanda e da Fetter Company. Me emocionei ao levantar todo esse material e tenho certeza que essa premiação foi muito merecida!”

O edital Prêmio Jornada e os demais editais lançados pela Secretaria da Comunicação Social e da Cultura ao longo dos últimos meses, fazem parte das medidas emergenciais da Lei federal 14.017 de 29 de junho de 2020, denominada Lei Aldir Blanc, que visa apoiar a classe cultural durante a pandemia do Covid-19. Para saber mais sobre o Prêmio Jornada e os outros editais acesse: http://www.comunicacao.pr.gov.br/.

Fonte: Assessoria