Afonso Cavalheiro Neto

Em tempo de pandemia do novo coronavírus e há cinco meses sem treinamentos, o voleibol masculino da Prefeitura de Toledo, fruto do Projeto Mais Vôlei e que conta com apoio da Prati Donaduzzi, está precisando se adaptar a uma rotina bem diferente de 2019 quando disputou inúmeras competições e diga-se de passagem, conquistou vários títulos, dentre eles, o de campeão da fase final dos Jogos da Juventude do Paraná (JOJUPS), em Francisco Beltrão, o que lhe assegurou a vaga na divisão de elite deste ano.

Mas, com um 2020 atípico, manter a autoestima e a motivação dos jogadores não tem sido uma tarefa fácil. Ainda que passe exercícios planejados em três vezes por semana para os atletas desenvolverem em casa, o técnico André Van de Sand acredita que a ajuda de outros profissionais poderá ser de extrema importância para amenizar essa rotina incomum.

“Esses profissionais estão acostumados a lidar com situações semelhantes e através de suas experiências vão nos ajudar a lidar com os atletas para que melhorem a autoestima. Sem contar o aspecto técnico e tático pela falta de contato com a bola, todos sentem a falta de estar juntos e acabam perdendo a motivação e o foco que tinham antes da pandemia. Como são jovens, para alguns é mais difícil entender essa situação e essa ajuda acredito que será bem-vinda num momento bastante complicado como este”, explica o treinador.

Segundo Van de Sand, dois nomes estão confirmados para reuniões on lines nas próximas semanas. Já na terça-feira, 25, será com Afonso Cavalheiro Neto, ex-atleta de voleibol e técnico e atual reitor da FAG/Cascavel para falar sobre o trabalho em equipe. A segunda convidada será a psicóloga Lilian Monise Schmitz, chefe de recursos humanos de uma rede hotéis de Foz do Iguaçu, que realizou um trabalho referência entre os colaboradores.  A reunião está agendada para a primeira semana do mês de setembro.

“Esse será um trabalho importante extra quadra para que possamos dividir experiencias e vivências em prol do nosso voleibol enquanto aguardamos o retorno das atividades o mais breve possível”, disse o treinador da Secretaria de Esportes e Lazer.

O Projeto Mais Vôlei Toledo é beneficiário da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte do Governo Federal. Seu desenvolvimento também conta com apoio da Prati Donaduzzi, Associação de Voleibol de Toledo (Avotol), Secretaria de Esportes e Lazer e Prefeitura de Toledo.