Tribunal de Justiça derruba “mecanismo” da família “Sponholz”

“Claro que vocês entenderam a minha chamada acima”, assim como sabem bem o que significa “mecanismo”, e não preciso dar explicações. “Basta vocês lembrarem-se das inúmeras lambanças feitas contra as gestões passadas, quando para qualquer “pum” que os ex-prefeitos soltassem, o MP abria uma “RECOMENDAÇÃO” ou um “TAC”.

Tribunal de Justiça derruba “mecanismo” da família “Sponholz” I

Também não é preciso dizer ou desenhar que a família “sz” vinha “maquiavelicamente se maquinado” para projetar a “tia das bolachas” POLITICAMENTE, criando assim uma instabilidade na credibilidade do MP. Cito aqui apenas o caso do HR, onde por falta de “conhecimentos”, a ação impetrada pelo “sz” através do MP o obrigou a desistir da ação. Mas PERDURA até hoje.

Tribunal de Justiça derruba “mecanismo” da família “Sponholz” II

Poderia citar várias ações do MP favoráveis à família toledana, mas, “subliminarmente”, a maioria das ações beneficiava a “tia das bolachas”. Uma, que me deixou possesso, se chama “central da especialidade”. Nela, o dito moveu ação por improbidade pela obra não estar 100% concluída (faltavam 4 banheiros a serem concluídos, dos 16 projetados, e na antiga sede toda deteriorada funcionavam apenas 4), ou seja, a ação foi meramente política e com intenção de desgastes aos então gestores.

Tribunal de Justiça derruba “mecanismo” da família “Sponholz” III

Para aumentar a descredibilidade daquele órgão público, mais uma descabida ação contra o então vice-prefeito Tita Furlan, e sempre na mesma linha: “improbidade” por ele ter viajado para fora do país sem pedir licença. Não vou argumentar, irei apenas pedir a vocês que leia essa sentença abaixo:

Porto seco, Ferroeste e as forças

“Para que o porto seco da Ferroeste seja instalado em Toledo, não depende apenas das forças políticas. Se faz necessário que todos os líderes da nossa cadeia produtiva do Oeste unam as forças”. Beto Lunitti em entrevista à Gazeta sábado, 19.

Qual o destino partidário do Prefeito Beto Lunitti?

Afirmou que seu único compromisso é com o deputado federal Sergio Souza. “Avisei aos comandos estadual e federal (Baleia Rossi) que se for necessário mudar de partido para beneficiar minha cidade, assim farei. Da mesma forma, entendo que o MDB precisa passar por uma reformulação”, disse Lunitti.