Foto: Carlos Rodrigues

Da Redação

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quarta-feira (28), aponta que 277 municípios do Paraná registraram saldo positivo nas contratações em março deste ano, o que representa cerca de 69,4% do total. O número é levemente inferior aos resultados de janeiro (73%) e fevereiro (85%) e está em consonância com a redução do ritmo de contratações no último mês, impactado pelas medidas restritivas de circulação e pelo pico da pandemia no Estado – março teve saldo de 11.507 novos empregos, contra 25.351 em janeiro e 41.626 em fevereiro.

Os 15 municípios que mais geraram empregos em março foram Cascavel (598), Londrina (567), Toledo (526), Cambé (491), Apucarana (403), Araucária (341), Pato Branco (315), Ibiporã (313), Arapongas (306), Paraíso do Norte (279), São Mateus do Sul (253), Rolândia e Umuarama (245), Palotina (226) e São José dos Pinhais (202). Os resultados também foram expressivos em Medianeira (199), Palmas (166), Ortigueira (164) e União da Vitória (162).

O Caged destaca, ainda, que 322 municípios registraram saldo positivo de empregos nos últimos 12 meses (abril de 2020 a maio de 2021), o que representa 80,7% do total. Nessa conta, os maiores empregadores são Curitiba (16.798), Ponta Grossa (6.110), Cascavel (3.809), Toledo (2.833), Londrina (2.632), Maringá (2.576), Umuarama (2.513), Arapongas (2.244), Rolândia (1.999), Guarapuava (1.888), Araucária (1.878), Cambé (1.815), Apucarana (1.810), Ortigueira (1.775) e Palotina (1.564).

Saldo positivo em Toledo

De acordo com Rodrigo Souza, diretor da Agência do Trabalhador de Toledo, o saldo positivo de março, com a geração de 526 novos postos de trabalho, foi expressivo. Além disso, a Agência local foi a que mais preencheu vagas abertas em toda a região.

Os dados do Caged mostram que pelo terceiro mês seguido o município obtém um resultado de destaque na geração de emprego. Os saldos positivos de janeiro, fevereiro e março foram, respectivamente, de 503, de 943 e de 526.

Referentes ao mês de março, os números apontam que os setores de serviços, comércio e indústria são os que obtiveram os melhores resultados quanto a empregabilidade em Toledo.

SetoresAdmitidosDesligadosSaldo
Serviços848631217
Indústria802659143
Comércio608504104
Construção Civil21116051
Agropecuária705911
Total2.5392.013526

Confira no vídeo abaixo a análise feita por Rodrigo Souza: