Foto: Fábio Ulsenheimer

“Toledo das águas de prata

És uma flor ainda em botão,

Inocente carinhosa,

recebe toda gente

A Cantar esta canção”.

Assim começa o hino que representa a essência do povo que colonizou essa terra. Essa “flor ainda em botão” é Toledo, que neste 14 de dezembro de 2020 completa seus 68 anos de emancipação política e administrativa. 

Seja Bem-vindo, trabalhador,

Nos ajude a crescer,

Venha logo aprender

Nosso canto de amor

Seja Bem-vindo, você é meu irmão,

Só então saberá

O Porquê da expressão

“Toledo, cidade-labor”.

Quem conhece um pouco Toledo entende perfeitamente a maestria de Inami Custódio Pinto, um dos maiores folcloristas, pesquisadores e compositores que o Paraná já produziu, ao compor a letra deste município. Cidade de gente trabalhadora, de grandes oportunidades, acolhedora e que valoriza quem quer investir nesse “cantinho do mundo”. 

Maior Valor Bruto da Produção (VBP) do Estado durante anos. O agronegócio é sua mola propulsora, mas visionários de outros ramos e segmentos tecnológicos, inclusive, sabem que aqui é um lugar pra crescer com qualidade. “Toledo, cidade-labor”.

Se comparado com outros municípios brasileiros, em questão de idade, Toledo ainda está nas fraldas. E é justamente esse pouco tempo de existência é que demonstra o potencial e a capacidade de crescimento deste povo. 

Na área pública, o destaque é para os diversos equipamentos públicos como Centros da Juventude (CJU), CEU das Artes, Centros de Revitalização da Terceira Idade (CERTIs), Praças Públicas, Biblioteca, Museu Histórico, Unidades de Saúde e Pronto Atendimento, Parques temáticos, Ginásios, Estádio, Escolas, Centros de Educação Infantil e vários outros aparatos esportivos, educacionais, de lazer e até mesmo de infraestrutura como as rodovias rurais asfaltadas e o aeroporto municipal. A cidade é completa para se viver com qualidade, para investir no emprego, nos negócios e também para pensar a longo prazo, constituir uma família e viver melhor. 

Não vai ter bolo

Neste aniversário não vai ter bolo, não vai ter shows e não teremos as mesmas atrações que tradicionalmente a cidade fazia uso para comemorar essa passagem de ano. A pandemia e os cuidados para evitar a Covid-19 levaram Toledo a mudar as estratégias, mas não deixar de comemorar. 

“Vivemos num dos melhores municípios do Brasil e temos que valorizar isso. Alguns serviços públicos só existem em Toledo e algumas capitais. Em 68 anos só temos motivos para nos orgulhar do potencial desta terra e das pessoas que nela habitam. Esse momento inspira cuidado e mais uma vez estamos fazendo a nossa parte e cuidando das pessoas”, elogiou o prefeito Lucio de Marchi. 

Desde a última semana, várias obras foram inauguradas e serviços foram entregues seguindo as restrições impostas pelos decretos estaduais onde limitam até dez pessoas para se reunirem, evitando assim as aglomerações e a disseminação do coronavírus. 

Acompanhe no portal da Prefeitura toda essa programação acessando www.toledo.pr.gov.br.

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação