_fabio_ulsenheimer

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de Toledo em 2019 atingiu R$ 2,689 bilhões, maior valor nominal já registrado na série comparando as últimas safras.

No Paraná, o VBP de 2018, que foi de R$ 89,78 bilhões, o resultado representa um ganho real de 3%, e um crescimento nominal – sem os descontos da inflação -, de 9%. As informações são do Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento.

Os números preliminares, correspondentes aos valores reais, representam o faturamento bruto dos produtores com a comercialização da safra 2018/19, incluindo cerca de 350 produtos da agropecuária e o desempenho das regiões e municípios paranaenses. As regiões com maior participação no VBP em 2019 foram, respectivamente, Oeste (23%), Norte (14%), Sudoeste (12%) e Noroeste (9%).  Para o Secretário da Agricultura de Toledo, Lídio Michels, esses números devem ser ainda mais expressivos, porque o agronegócio em Toledo, na contramão de outros setores da economia nacional mantendo-se em crescimento, devido a sua “diversificação” na produção agro.

VBP de Toledo ultrapassa R$ 2,689 bilhões. Secretário da Agricultura e agricultor Lídio Michels fala sobre esses números.

Posted by Gazeta de Toledo on Thursday, August 6, 2020
https://www.facebook.com/GazetadeToledo/videos/286834062580670/