Próximas eleições de Toledo serão disputadas entre 7 candidatos a prefeito; 331 buscam vaga de vereadores

    Depois das convenções partidárias concluídas e coligações carimbadas, passa-se a bola para os toledanos decidirem quem serão os escolhidos para o Executivo e o Legislativo para os próximos 4 anos. Em razão da pandemia causada pelo novo coronavírus, o pleito foi adiado para o mês de novembro, com primeiro turno marcado para o dia 15.

    Ainda é necessário o registro das candidaturas junto à Justiça Eleitoral e seu deferimento, mas o cenário na terra do maior PIB agropecuário está definido. Se tudo correr bem (sem indeferimentos/desistências), o pleito terá 331 candidatos e vinte e dois partidos disputando as 19 cadeiras do Poder Legislativo. Lembrando que esses números de vereadores poderão mudar até dia 26, último dia para registro das candidaturas.

    As sete coligações e seus números de candidatos

    O prefeito Lucio de Marchi (PROGRESSITA) buscará a reeleição contando com a grande sacada em trazer o vereador Marcos Zanetti (PSD), um vice bem popular, além de ter recebido o apoio de 6 partidos políticos de Toledo, além do seu: PSD / DEM / PATRIOTAS / PV / PSDC / SOLIDARIEDADE. Ao todo, a coligação intitulada “Trabalho e Inovação por Toledo” ficou composta por 7 partidos e 115 candidatos a vereadores.

    Já a coligação “Toledo do jeito que a gente quer”, aposta na volta do ex-prefeito Beto Lunitti (MDB), tendo como vice o vereador Ademar Dorfschmidt (CIDADANIA). A coligação, ficou composta por 5 partidos (MDB / PSB / REDE / AVANTE) e tem o apoio de 83 candidatos a vereadores.

    A coligação denominada “Por amor a nossa terra e a nossa gente”, composta pelos partidos PODEMOS / REPUBLICANOS / PL / PSC / PSL, terá como candidato a prefeito Tita Furlan (PODEMOS) e seu vice é o empresário Beto Ignácio. A coligação terá 81 candidatos a vereadores.

    O Partido dos Trabalhadores (PT) também volta à disputa, apostando com chapa pura em duas mulheres: Jaqueline Machado, como candidata a prefeita, e Joana D’Arc, como sua vice. A chapa, denominada inicialmente “Para Toledo ser feliz de novo”, sofreu alteração e mudou seu nome para “Uma estrela vai brilhar”. Na composição, há 12 candidatos a vereadores.

    Os partidos PTC e PTB coligaram-se com a denominação de “Aliança por Toledo”, lançando a advogada Simone Sponholz como candidata a prefeita e Fábio Kukowitsch como vice, e mais 8 candidatos a vereadores.

    Dr. Albino Corazza Neto, atual vereador, ex-prefeito e ex-deputado estadual, estará tentando novamente trazer a “A comunidade no poder”. Essa denominação dada a chapa pura do PDT terá o apoio de outros 12 postulantes a vereador, além de sua candidata a vice-prefeita, Amanda Lopes da Silva.

    A coligação “Toledo merece mais” é formada pelos partidosPSOL e PC do B, que aprovaram a candidatura à prefeita de Cláudia Mallmann, tendo como seu vice, Cosmes Francisco. A coligação terá 4 candidatos à vereança.

    Edição – Jornalista Fernado Braga

    Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
    Facebook
    Twitter
    Youtube
    Instagram