Secretária Jennifer Teixeira. Foto: Divulgação/Secom

A Secretaria de Políticas para Mulheres (SPM) resolveu descentralizar os serviços oferecidos pela pasta e criar mecanismos para facilitar o acesso de mulheres, as quais a distância é um limitador para acessarem seus direitos. Foi dentro desse contexto que surgiu o Projeto Primavera. 

“Algumas mulheres têm o seu leque de direitos um pouco limitado”, explicou a secretária da SPM, Jennifer Teixeira. 

“O Projeto Primavera é uma forma para que elas acessem seus direitos próximo a suas casas. A proposta é realizar esses atendimentos de forma itinerante e fazer chegar nos distritos e bairros mais afastados. Vamos levar toda uma estrutura de atendimento para garantir que a informação chegue de forma qualificada”, acrescenta a secretária. 

A estratégia adotada é acessar o público feminino por intermédio das lideranças de clubes e associações envolvidas no tradicional Encontro das Mulheres Trabalhadoras Rurais. Como esse ano o encontro não acontecerá em decorrência da pandemia, outras atividades serão oferecidas.

“A partir deste público é que estamos identificando as demandas para irmos até essas localidades. A intenção é realizar o primeiro atendimento no próximo dia 27 de abril”, informou Jennifer.

Dança circular

Por meio de uma parceria com a Secretaria de Esportes e Lazer, nas terças-feiras uma professora de Danças Circulares desenvolverá atividades com as mulheres. Durante a atividade, uma psicóloga e uma assistente social da SPM estarão à disposição para levar informações diversas sobre direitos, prevenção a situações de violência doméstica e familiar e os cuidados com a saúde.

Também irão levar ao conhecimento dessas mulheres os tipos de violência preconizados na Lei Maria da Penha, destaca-se: violência física, violência sexual, violência psicológica, violência moral e violência patrimonial.

Whatsapp

Os atendimentos realizados pela Secretaria de Políticas para Mulheres também estão mais modernos. O telefone fixo da SPM também recebe mensagens de WhatsApp, essa é uma estratégia bastante usada, basta entrar em contato pelo número (45) 3252-5528.

Objetivos

O Projeto Primavera tem alguns objetivos bem específicos:

Estimular as mulheres aos cuidados com seu bem-estar físico, mental e social; 

Levar informações sobre saúde e direitos da mulher;

Trabalhar os tipos de violência contra a mulher e divulgar as leis de proteção;

Incentivar a autonomia e a emancipação feminina;

Valorizar a mulher da área urbana e rural no âmbito do Município de Toledo;

Divulgar a rede de serviços e apoio à mulher do município de Toledo;

Fomentar a socialização e a integração entre as mulheres.

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação