Nem amarrando

Seu Hélio Roher, como sempre, participando das sessões da Câmara Municipal de Toledo, diante de qualquer discordância levanta a voz e se manifesta. Nessa segunda, ele inovou. Levando uma corda com cores bem chamativas, ao ser perguntado sobre o porquê lascou: alguns vereadores, vêm nas sessões, respondem a chamada e somem. Parece que se sentem mal naquela cadeira!

Compra de votos?

Em uma determinada empresa, um de seus funcionários, que concorre a uma vaga de vereador, teria filmado, segundo meu “urubu-eleições”, outro concorrente pagando por votos. Resta saber se ele vai ser homem e denunciar! E as churrascadas que correm soltas em Toledo?

Mais uma “FAJUTA” pesquisa

Na primeira pesquisa comprada e registrada, acertei não só a ordem dos nomes dos pretendentes, como também os números de cada. Nessa segunda “pseudo pesquisa”, que foi divulgada somente por ele e por aqueles “picaretas” de Cascavel, BINGO! Novamente a mesma ordem e os percentuais. Apostei que a diferença da primeira ficaria em apenas 2 pontos na espontânea e… BINGO de novo!

Mais uma “FAJUTA” pesquisa I

E apostem, mais próximo das eleições, sairá outra encomendada. Vou cravar hoje os resultados que virão: Haverá um empate técnico entre Beto e o Piá-pançudo, onde aparecerá o nome do “piá” em segundo lugar com uma pequenina diferença para baixo. Me cobrem…está valendo um barril de chope (20 litros). Atenção, não tomo qualquer chope!

Reforma previdenciária é discutida nacionalmente em Toledo

Civaldo Martins Lima, secretário e Raimundo Fermino dos Santos presidente da Confederação – FENTRAMACAG.

A Federação Nacional dos Trabalhadores e Administração do Comércio em Geral, realizou em Toledo nessa segunda, 19, uma assembleia para tratar das mudanças feitas na reforma previdenciária, que prejudica os trabalhadores avulsos, as entidades sindicais que os representam, além dos tomadores.

Reforma previdenciária é discutida nacionalmente em Toledo I

Em entrevista à Gazeta de Toledo, o presidente da Confederação, FENTRAMACAG, Raimundo Fermino dos Santos, explica o porquê irão entrar com mandado de segurança contra Lei.  Primeiro porque com a nova Lei, quem ganha abaixo do salário mínimo não está sendo aceito para qualquer tipo de benefício.  

Reforma previdenciária é discutida nacionalmente em Toledo II

Segundo tópico é de que de acordo com as coberturas, sejam elas de qualquer modalidade (acidente, afastamento ou demissão), os trabalhadores só serão beneficiados depois do 16º dia. Ou seja, 15 dias ficarão por conta dos Sindicatos, que são meros repassadores e não pode arcar com esses valores. Assista a entrevista completa nesse link:

Federação Nacional dos Trabalhadores e Administração do Comércio em geral, realiza reunião em Toledo na sede do SINTOMEGE, para tratar das mudanças na Previdência Social. O presidente Raimundo Fermino dos Santos explica o porquê irão entrar com madado de segurança contra Lei que repassa obrigações aos Sindicatos sem que haja o vinculo, entre outros temas.

Posted by Gazeta de Toledo on Monday, October 19, 2020
https://www.facebook.com/GazetadeToledo/videos/1310394455967643/

Mãe do Rádio se chama “rádia”?

Ouvir os ouvintes pronunciarem o nome do Rádio no feminino (Rádia) se tornou normal desde os anos 80, quando iniciei a vida de profissional de comunicação. Agora, nunca tinha “lido” uma “personalização” no feminino de uma emissora que se chama “RÁDIA A HORA DA VITÓRIA”.

É SACANAGEM ou é pura IGNORÂNCIA?

Parece sacanagem, mas não é. Veja abaixo um print de um perfil social que me deixa envergonhado:

EXPLICANDO: O Rádio é um recurso tecnológico das telecomunicações, utilizado para propiciar comunicação por intermédio da transcepção de informações previamente codificadas em sinal eletromagnético, que se propaga através do espaço até a nona camada (ionosfera) e são refletidos aos aparelhos de Rádios através das ondas.

Rádia até existe. É uma um veriedade de AZEITONA.