O Observatório Social do Brasil – Toledo lançou nessa semana avaliação do nível de transparência no combate à COVID-19 no município de Toledo/PR. A cidade de Toledo obteve 79,75 pontos mostrando um nível de transparência bom no ranking de transparência sobre as contratações emergenciais de enfrentamento da pandemia.

Transparência no combate ao Covid-19 em Toledo é boa I

A metodologia foi desenvolvida pela Transparência Internacional – Brasil para o Ranking de Transparência no Combate à COVID-19 com o objetivo de identificar e promover as melhores práticas de transparência nas informações referentes às contratações emergenciais realizadas em resposta à pandemia. A escala vai de zero a 100 pontos, na qual zero (péssimo) significa que o ente é avaliado como totalmente opaco e 100 (ótimo) indica que ele oferece alto grau de transparência.

Transparência no combate ao Covid-19 em Toledo é boa II

A avaliação lançada pelo Observatório Social do Brasil – Toledo, que será atualizada regularmente, oferece um instrumento adicional para que a sociedade, a imprensa e os próprios órgãos de controle monitorem as respostas do poder público ante a crise. A avaliação também tem como metas estimular o poder público a promover continuamente a transparência de suas ações e reconhecer o bom trabalho realizado por algumas prefeituras.

 

Transparência no combate ao Covid-19 em Toledo é boa III

Os critérios de avaliação do ranking basearam-se no guia de Recomendações para Transparência de Contratações Emergenciais em Resposta à COVID-19 que foi produzido de forma conjunta pela Transparência Internacional – Brasil e pelo Tribunal de Conta da União (TCU). A Lei Federal nº 13.979/2020 – que regulamentou as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da pandemia do coronavírus – já exige transparência das chamadas contratações emergenciais.
Transparência no combate ao Covid-19 em Toledo é boa IV
Na construção da metodologia de avaliação, a Transparência Internacional definiu critérios objetivos para avaliar em que medida essa divulgação de informações acontece da forma clara, fácil e acessível. Por esse conceito, não basta disponibilizar informações na internet se elas se encontram, por exemplo, dispersas, incompletas e, principalmente, escondidas em páginas com pouca visibilidade.

Transparência no combate ao Covid-19 em Toledo é boa V

Hoje em dia, uma das questões consideradas essenciais é a adequação dos portais para que possam ser “legíveis por máquinas”. Em outras palavras, “robôs” de programação usados por acadêmicos, especialistas da sociedade civil e jornalistas de dados precisam encontrar um caminho livre para colher, de forma automatizada, as informações necessárias – indo ao encontro do bom uso da tecnologia para promover a transparência e o controle social.

Transparência no combate ao Covid-19 em Toledo é boa VI

Por fim, além da “transparência ativa”, a metodologia também avalia o quanto os entes públicos se esforçam para criar canais para escutar a sociedade neste momento excepcional. Dessa forma, foram avaliados também os canais para recebimento de denúncias e de pedidos de acesso à informação. Veja a Matéria por completo, nesse link:
http://gazetadetoledo.com.br/transparencia-de-contratacoes-emergenciais-em-toledo-esta-em-nivel-bom/?feed_id=210&_unique_id=5f19feffd01fe&fbclid=IwAR0Vq8zacrK2je9dwt1cxaiyJo5GSJB8mSBWVEuFHrWkZydhzsvAiSkRaU8