A Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), que reúne 280 parlamentares do Congresso Nacional, manifesta insatisfação com o resultado da Lei Orçamentária Anual de 2021, aprovada na última quinta-feira (25) em sessão do Congresso Nacional.

Foram perdas significativas no orçamento do Ministério da Agricultura (MAPA), em um período em que a agropecuária tem sido o principal esteio econômico brasileiro: o setor abriu 61.637 mil empregos de janeiro a dezembro de 2020, melhor desempenho desde 2011.

A FPA não medirá esforços para fazer a recomposição orçamentária da Pasta, especialmente, no que diz respeito à agricultura familiar. O governo federal já foi acionado para que consigamos construir uma solução neste sentido.

DEP. SÉRGIO SOUZA (MDB-PR)
Presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária