O Renault Sandero, que atravessou a preferencial, teve a frente totalmente destruída. Foto: Fernando Braga

Por Fernando Braga

Um motorista que havia acabado de retirar o carro da oficina provocou um acidente na tarde desta quarta-feira (31), em um ponto do BHN Barão onde habitualmente os moradores presenciam batidas.

A colisão, que aconteceu às 13h45, envolveu um Renault Sandero, com emplacamento Brasil, e um VW Golf, com placas de Curitiba. O motorista do Sandero seguia pela Rua Carlos Barbosa, quando a duas quadras da Rua Barão do Rio Branco, atravessou a preferencial no cruzamento com a Rua São João e acertou em cheio a lateral do Golf.

O veículo que provocou o acidente trafegava em velocidade acima do limite permitido e com o choque, atravessou o cruzamento e derrubou uma placa de trânsito que ficava na esquina. Seu condutor explicou que estava correndo para testar o carro. Ele tinha recém saído de uma oficina, onde gastou R$ 3 mil para fazer o alinhamento, o balanceamento e a troca da suspenção do veículo, pois pretendia aproveitar o feriado prolongado e pegar a estrada amanhã. A viagem que ele faria teve que ser adiada, já que o automóvel ficou com a frente totalmente destruída.

Apesar do forte impacto e dos estragos causados pela colisão, os air bags do Sandero protegeram o motorista, que não se feriu. Já o Golf, foi atingido na lateral direita, e seu condutor também escapou ileso.