Foto: Divulgação/FAEP

Comissão Estadual de Mulheres da FAEP conta com coordenação formada por mulheres de diversos municípios do Paraná, dentre eles também conta com a participação de Toledo

A Comissão Estadual de Mulheres da FAEP foi criada com o objetivo de fomentar o protagonismo feminino no campo. Para cumprir esse propósito, uma das estratégias é proporcionar um espaço de crescimento mútuo para as mulheres, estreitando as relações e estimulando a troca de experiências.

A coordenação da comissão é formada por mulheres de diversos municípios do Paraná, o que permite maior capilaridade para a atuação das participantes. Dessa forma, é possível absorver diferentes opiniões e atender a um número variado de demandas, o que facilita a integração entre os múltiplos perfis de mulheres do agronegócio paranaense.

As atuais participantes da Comissão foram convidadas pela coordenadora, Lisiane Rocha Czech, do município de Teixeira Soares, por já atuarem em grupos vinculados aos sindicatos rurais. A ideia é que, conforme novas comissões locais sejam formadas (confira detalhes na próxima edição desta coluna), a comissão possa abranger todo o Estado.

Atualmente, a coordenação é composta por: Adriana Botelho, de Candói; Alaíde Alevatto, de Uraí; Ana Cristina Versari, de Maringá; Carla Rossato, de Sertanópolis; Gla-dis Knebel Schneider, de Toledo; Hildegard Abt, de Guarapuava; Keilla Guardevir, de Tapejara; Larissa Gallassini, de Campo Mourão; Maria Beatriz Bonoto Orso, de Cascavel; Mariluce Anchieta, de Astorga; Marisa Mior Acorsi, de Chopinzinho; Marli Scheifer, de Ipiranga; Roseli Celestino, de Ivatuba; e Simone Carvalho Bossa de Paula, de Rondon.

Fonte: Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP)