Sunday, July 12, 2020
Isenção e Verdade


MPPR pede abertura de inquérito policial em Marechal Cândido Rondon para investigar atleta profissional que desrespeitou isolamento domiciliar

O Ministério Público do Paraná, por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Marechal Cândido Rondon, requisitou a instauração de…

Por redacao gazeta , em Esporte , no dia26 de março de 2020, 13:30h

O Ministério Público do Paraná, por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Marechal Cândido Rondon, requisitou a instauração de inquérito policial para apurar a conduta de um atleta profissional que teria descumprido o protocolo indicado para pessoas com suspeita de contaminação pelo coronavírus.

O atleta, que possui familiares no município, estava no Rio de Janeiro, com sintomas de contaminação, e foi visitar a família em Marechal Cândido Rondon, enquanto aguardava o resultado do exame para confirmação do contágio pelo vírus. Na terça-feira, 24 de março, ele anunciou nas redes sociais que seu exame teve resultado positivo para o coronavírus.

Tendo em vista que o atleta, nesse meio tempo, teria mantido contato com diversas pessoas, sem manter o isolamento domiciliar, o MPPR considerou que ele pode ter cometido crime contra a saúde pública, razão pela qual solicitou a investigação policial.

Crimes – O inquérito apurará a prática dos crimes de desobediência e infração de medida sanitária preventiva, previstos no Código Penal (artigos 268 e 330), que podem resultar na aplicação de sanções como detenção e multa. Com a medida, o Ministério Público do Paraná destaca que o desrespeito às orientações das autoridades sanitárias, além de representar um risco à saúde própria e da comunidade, pode resultar em responsabilização criminal.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
%d blogueiros gostam disto: