Wednesday, April 1, 2020
Isenção e Verdade


Em apenas uma noite, PRF autua 56 motoristas bêbados

Embriaguez ao volante está entre as seis principais causas de mortes em rodovias federais; fiscalização simultânea ocorreu na madrugada de…

Por redacao gazeta , em Segurança , no dia17 de fevereiro de 2020, 08:36h

Clique Aqui


Embriaguez ao volante está entre as seis principais causas de mortes em rodovias federais; fiscalização simultânea ocorreu na madrugada de sábado para domingo, em todo país

Em ações simultâneas de fiscalização, as equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagraram 56 motoristas dirigindo sob efeito de bebidas alcoólicas no Paraná, entre a noite de sábado (15) e a madrugada deste domingo (16).

O número é resultado de uma ação temática nacional da PRF, voltada especificamente às infrações de embriaguez ao volante.

Mais de 800 motoristas foram submetidos ao exame de bafômetro, em todas as regiões do estado. Cada ação de fiscalização durou entre três e quatro horas, em média.

No total, 59 veículos foram recolhidos aos pátios da PRF, por diferentes irregularidades ou por ausência de condutor habilitado em condições de dirigir. E 316 autos de infração foram emitidos.

A operação da PRF ocorreu a menos de uma semana do feriado de Carnaval, historicamente marcado por um alto consumo de bebidas alcoólicas no país. Oito pessoas morreram durante o Carnaval do ano passado no Paraná. Na ocasião, 132 flagrantes de embriaguez foram registrados, em seis dias de operação.

Ao longo de 2019, a conduta de dirigir sob influência de álcool foi uma das seis principais causas de mortes nas rodovias federais do Paraná.

 

Suspensão e multa de quase R$ 3 mil

A multa por embriaguez ao volante custa R$ 2.934,70 ao motorista, que tem a carteira de habilitação suspensa por um ano. Conforme o nível de álcool, além da infração administrativa, o motorista ainda é preso em flagrante por crime de trânsito.

Quem se recusa a fazer o teste do bafômetro também é autuado no mesmo valor e está sujeito ao mesmo período de suspensão.

Se apresentar sintomas visíveis de embriaguez, o motorista que não se submete ao exame também é preso, a partir do preenchimento de um termo de constatação, conforme modelo definido pelo Conselho Nacional de Trânsito.

 

Resumo da operação de combate à embriaguez no Paraná:

– 56 autos de infração por embriaguez ao volante;
– Desse total, cinco motoristas, além de multados, também foram presos por crime de trânsito;
– 809 testes de bafômetro realizados;
– 59 veículos recolhidos aos pátios da PRF, por diferentes irregularidades ou por ausência de condutor habilitado em condições de dirigir;
– Total de 316 autos de infração emitidos.

Fonte: PRF
(dados relativos à noite de sábado e madrugada deste domingo) 

 

 

 

 

 

 

Texto e fotos: Fernando Oliveira / Agência PRF

 

%d blogueiros gostam disto: