Friday, February 21, 2020
Isenção e Verdade


Fevereiro começa com previsão de chuvas para a maior parte do país; Sul terá semana sem chuvas

  A primeira semana de fevereiro será de chuvas expressivas para a maior parte do país. De acordo com o…

Por redacao gazeta , em AgroGazeta , no dia3 de fevereiro de 2020, 14:57h

Clique Aqui


 

A primeira semana de fevereiro será de chuvas expressivas para a maior parte do país. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, a semana inicia com previsão de chuvas para todo o Centro-Oeste, Sudeste e também áreas do Matopiba. Apenas a região sul do país passará por mais um período de seca.

De acordo com o meteorologista Heráclio Alves, do Inmet, há previsão de chuva para esta segunda-feira (3), mas os volumes tendem a ficar mais intensos em todas regiões a partir da terça-feira (4). “Hoje tem bastante chuva, mas a partir de amanhã começa a intensificar mais principalmente no Tocantins, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul”, afirma o meteorologista.

As chuvas acontecem nessa região devido à chegada de uma frente fria vindo da região Sudeste, além das altas temperaturas que são características da estação. Outro fator positivo para condições de chuvas no Centro-Oeste é a formação de um novo corredor de umidade que desce do norte do país.

No Mato Grosso e Goiás, os acumulados tendem ficar entre 30 e 40 milímetros em todas as regiões do estado. Continuam sendo previstas chuvas para o Mato Grosso do Sul, com volumes mais baixos no início da semana, mas que tendem aumentar a partir do dia 6 (quinta-feira).

Já na região Sudeste do país, as previsões continuam indicando condições de chuvas para o sul de Minas Gerais nas próximas 24 horas – com precipitações entre 30 e 40 milímetros. Já o Centro-Norte mineiro, onde foram registrados volumes expressivos na semana passada, o começo da semana será de tempo firme estável.

As condições são de tempo firme também para o Espírito Santo nesta segunda-feira (3). De acordo com o Cosmo, há possibilidade de chuvas para a região sul do estado, porém em volumes baixos. Já no Rio de Janeiro as condições indicam chuvas expressivas para todas regiões, com precipitações entre 30 e 40 mm, podendo ficar entre 60 e 70 milímetros em algumas áreas.

Já no sul do país o cenário é o oposto e todos os estados ficarão sem chuvas nos próximos dias. Segundo o meteorologista, as chuvas não chegam na região devido à um sistema de alta pressão na atmosfera. Os modelos indicam que só deve voltar a chover nos três estados do sul do país apenas na próxima semana, quando os maiores acumulados são esperados para o Rio Grande do Sul.

 

Veja o mapa de precipitação prevista para as próximas 93 horas em todo o Brasil: 

93 horas - Inmet 03/02
Fonte: Inmet 

Previsão estendida para todo o Brasil

No período entre 3 e 11 de fevereiro, o mapa de previsão estendida do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), prevê chuvas expressivas para o Centro-Oeste, Sudeste e áreas do Matopiba.

Segundo o NOAA, nas três regiões são esperados acumulados entre 100 e 125 milímetros de precipitação. Neste momento, os modelos indicam que a região sul do país terá mais um período sem chuvas nos próximos dias.

Já no período entre 11 e 19 de fevereiro, os mapas indicam que os volumes de chuvas tendem a diminuir em todo o país. Os modelos indicam ainda que, neste período, deve voltar a chover no sul do país, com precipitações entre 90 e 100 milímetros, sendo os maiores acumulados esperados para o Rio Grande do Sul.

Veja o mapa de previsão estendida para todo o Brasil: 

NOAA - 03/02
Fonte: NOAA 

 

Por: Virgínia Alves
Fonte: Notícias Agrícolas
%d blogueiros gostam disto: