Friday, April 3, 2020
Isenção e Verdade


Central de Recebimento dá a destinação correta para materiais volumosos em Toledo

A Central de Recebimento de resíduos volumosos funciona desde o início do ano de 2018 no município de Toledo. Localizada…

Por redacao gazeta , em Cidade , no dia27 de janeiro de 2020, 17:55h

Clique Aqui


A Central de Recebimento de resíduos volumosos funciona desde o início do ano de 2018 no município de Toledo. Localizada no Jardim Coopagro a estrutura tem atingido excelentes resultados na destinação correta de materiais como eletrodomésticos, eletroeletrônicos, madeira, sofás, dentre outros materiais volumosos.

No local são recolhidos entre 20 e 25 toneladas de material volumoso todas as semanas, além de mais cinco toneladas de material reciclável. O local funciona de segunda à sexta-feira em horário comercial das 08h às 17h30. Qualquer pessoa pode descartar os seus resíduos na Central de Recebimento sem qualquer custo, visto que é um espaço de entrega voluntária.

O coordenador do Tooreciclando, Jandilson Rafael Salomão, pondera que o local tem cumprido uma importante função no descarte correto dos materiais volumosos. “A Central de Recebimento apresenta resultados satisfatórios, visto que são aproximadamente 25 toneladas de resíduos descartados no local todas as semanas. Com a Central todo esse material é descartado de maneira correta, aumentando a quantidade de volumosos reciclados e evitando danos ao meio ambiente, já que anteriormente as pessoas descartavam os seus materiais em terrenos baldios, beira de rios e demais locais inadequados”, pontuou o diretor.

Para auxiliar este descarte correto, a Prefeitura conta com equipamentos modernos e adequados para a realização da separação correta dos resíduos. O principal equipamento é um triturador, que é capaz de reduzir em até 70% do volume dos materiais, triturando-os inteiros ou em partes, o que faz com que eles possam ser utilizados de outras formas.

O que não pode ser descartado no local

 No local não é permitido o descarte de materiais como galhos e troncos de árvores. Também não é autorizado a destinação de entulhos de construção civil, lâmpadas, vidros laminados e temperados, além de outros tipos de vidro. Entre os vidros só é permitida a destinação de garrafas, copos e pratos.

Jandilson orienta a população para que somente os materiais permitidos sejam destinados na Central de Recebimento. “É importante que a população tome consciência e destine na Central somente os materiais autorizados. Vale ressaltar que em caso do descarte de materiais não permitidos e também fora dos contêineres os responsáveis estão suscetíveis a multa. Então a gente pede que a população faça a destinação correta do seu material e caso veja alguma irregularidade faça a denúncia via Ouvidoria”, explicou.

Caso você veja alguma pessoa descartando materiais que  não são permitidos na Central de Recebimento ou mesmo fora dos contêineres uma denúncia pode ser efetuada via ouvidoria pelo telefone 156 ou pelo WhatsApp (45) 9-9153-2516.

Pontos fixos

Visando a melhor destinação dos resíduos gerados no município existem também dois pontos fixos localizados no Jardim da Mata e na Vila Paulista. Nos dois locais ficam a disposição da população caçambas para a destinação dos volumosos, que posteriormente são encaminhados para o Aterro Municipal.

Jandilson relata que os pontos fixos são mais uma opção para destinação correta dos volumosos. “Vale destacar que a prefeitura oferece várias opções para a melhor destinação dos materiais, vislumbrando os devidos cuidados com o meio ambiente”.

Associação de Catadores

O material reciclado que é recolhido na Central e também nos dois pontos fixos em funcionamento é encaminhado para Cooperativa dos Catadores, que fica localizada no terreno ao lado Aterro Sanitário Municipal, localizado às margens da PR-317, KM 07 entre os municípios de Toledo e Ouro Verde do Oeste.

O valor recebido pela vendas dos materiais recicláveis é revertido para os cooperados em forma de rateio.. Vale lembrar que semanalmente são recolhidos na Central de Recebimento aproximadamente cinco toneladas de materiais recicláveis.

Fonte: Secom/Pref. de Toledo

%d blogueiros gostam disto: