Monday, January 27, 2020
Isenção e Verdade


A arte e o prazer de trabalhar com as palavras

Geração de conteúdo, assessoria de imprensa e o mundo incrivelmente infinito da comunicação Ser Mulher Que ninguém trilha seu caminho…

Por redacao gazeta , em Rosangela Silva , no dia22 de novembro de 2019, 15:40h

Clique Aqui


Geração de conteúdo, assessoria de imprensa e o mundo incrivelmente infinito da comunicação

Ser Mulher

Que ninguém trilha seu caminho unicamente só, é um fato. Mesmo que com dificuldades, a vida nos mostra que não há um passo da nossa jornada, que não cruze com a do outro. E é aí que moram o aprendizado e as conquistas. Quando passamos a enxergar a beleza que existe nessa troca, é como se muitas portas se abrissem.

A Leme Comunicação nasceu de uma vontade de duas amigas jornalistas de trabalharem com geração de conteúdo e assessoria de imprensa. Nessa de cruzar caminhos, hoje a Leme continua com a jornalista Mayara Schaffner. É que depois de muita troca e aprendizado, a amiga jornalista segue seus caminhos próprios na área da comunicação. O detalhe mais importante é que a amizade continua, e tudo que nasceu das duas, acompanha as duas, como frutos de árvores que estão lado a lado, cada um em seu galho, servindo de companhia e de sombra um para o outro, sempre.

Entre os serviços oferecidos pela Leme, que contemplam a geração de conteúdo seja para materiais impressos, sites ou redes sociais e a assessoria de imprensa, que busca transformar o cliente em notícia, o principal é a relação com o texto, com as palavras. Independente do formato e do objetivo, é através do modo de contar histórias, que os materiais ganham vida.

“É por isso que trabalhar como jornalista, se torna tão encantador. Ficamos diante de realidades muito diferentes, o tempo todo. Ter a chance de transformar em texto, aquilo que o cliente te diz e muitas vezes, o que ele não diz, mas anseia compartilhar de algum modo, é o que traz tanta beleza para a profissão que sim, faz com que tenhamos inúmeros perrengues no dia a dia. Afinal, ‘os tempos’ não estão lá muito favoráveis para opiniões, a fake News ganhou espaço demais e o julgamento anda arraigado em muita gente”, menciona Mayara.

“Assim, muito mais do que ver o cliente circulando na mídia, agendar entrevistas ou mesmo produzir materiais repletos de conteúdo, a Leme busca por oferecer experiências que mostrem mais do que o obvio, e que retorne para o cliente, não apenas em números (R$), mas em sensações, pois essas sim, ficam guardadas na memória”, complementa.

Ser Mulher

E é no meio deste cenário que surgiu a oportunidade do trabalho em parceria com a Rosângela Cristina da Silva, para o Ser Mulher e outros de seus projetos. “Receber as informações e o desejo de tantas mulheres maravilhosas, de contar um pouco da sua vida, da profissão e dos desafios que enfrentam, é enriquecedor”, diz Mayara.

“Busco interferir o menos possível nos materiais recebidos, para que minha intervenção seja a menor possível. Por vezes apenas de um ajuste ou outro, enquanto jornalista, já que a palavra mesmo, é de quem atendeu a uma vontade de contar para o mundo, o que faz, como faz e, principalmente, que PODE DAR CERTO. Pode dar certo tudo aquilo a que nos propomos na vida. Desse modo, só posso agradecer a chance de trabalhar com um projeto tão bacana quanto este. Sinto que recebo, tanto quanto ou mais do que dou. Gratidão”, finaliza.

%d blogueiros gostam disto: