Thursday, November 21, 2019
Isenção e Verdade


Unioeste e as perseguições

Ao que parece, as denúncias que chegaram a Gazeta de Toledo, sobre perseguição política, religiosa e profissional a quem não…

Por Eliseu Langner de Lima MTPR 11737 , em Gente x Poder , no dia7 de novembro de 2019, 17:00h

Clique Aqui


Ao que parece, as denúncias que chegaram a Gazeta de Toledo, sobre perseguição política, religiosa e profissional a quem não faz parte do “grupo” do diretor e seus “coordenadores” se confirmam.  Tenho a autorização de escrever o nome de um dos 5 professores e 9 acadêmicos e ex-acadêmicos que sofreram, sofrem as perseguições dentro da Unioeste e que se dispuseram a ir a justiça comum, por entenderem que não haverá possibilidades de resolutivas com essa direção.

Unioeste e as perseguições I

Por não concordar que o grupo político que “domina” a Unioeste; por não aceitar que o Centro Acadêmico do curso Social seja formado por acadêmicos escolhidos por eles (coordenadores); por não acordar que os mesmos sejam protegidos e favorecidos entre inúmeras irregularidades e de a mesma ter sido desacatada, desrespeitada e agredida na sua integridade e não obteve qualquer abertura de sindicância por parte da direção a docente do curso de Serviços Sociais Roseli Odorizze, resolveu apelar para a imprensa.

Unioeste e as perseguições II

Ela procurou a Gazeta, armada de documentos que comprovam as acusações, mas, antes, avisou o diretor do campus que, de imediato se dirigiu a reitoria em Cascavel para pedir o afastamento da docente. Pior, a reitoria acatou, sem mesmo, cobrar da direção qualquer decisão de colegiado. Ou seja, a afastou e a proibiu de adentrar ao campus.

Unioeste e as perseguições III

Não é sensacionalismo amigos, esse jornal está com todas as provas para quem quiser analisar. Vejam bem, em menos de 2 anos, a direção abriu mais de 20 inquéritos contra a professora e até agora ela comprovou em todas sua inocência perdendo apenas um caso de má interpretação. Esse jornalista, solicitou via e-mail e por ligação com o diretor de gabinete João Vitor para agendar uma entrevista com o reitor nessa quinta e até as 18h, não tinham me respondido

Resposta aos leitores

As imagens das lixeiras deterioradas e instaladas na área central de Toledo, publicadas nessa coluna sem quaisquer condições de acondicionamento dos resíduos recebeu a seguinte informação dos gestores: A secretaria de meio ambiente em consonância com a secretaria de habitação e urbanismo já tem ciência da necessidade exposta e estão em fase de levantamento de informações, custos x benefícios, bem como, quantidade de lixeiras danificadas para dar início aos tramites internos na elaboração de processo licitatório a fim de reformar as lixeiras de metais, ou então providenciar a substituição das danificadas.

Falso bombeiro golpista foi preso.

Olha bem a fachada desse cidadão, achando que vai se criar em Toledo. Depois de o comando do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Paraná tornou público a nota de que esse indivíduo estaria se identificando como bombeiro do Estado de São Paulo e usando o nome da corporação para atividades comerciais e particulares. Já tinha sido feito um desfavor do mesmo e na tarde dessa quinta, foi preso e recolhido ao 19BPM de Toledo.

Caso antigo envolve Beto Inácio das casas das pistolas e o advogado Mauri Refatti vem à tona.

Fiquem tranquilo que não é um caso, proibitivo, sim, de ser divulgado, ser propagado e contado. Tive a satisfação de ver dois amigos se reencontrarem depois de longos 35 anos. Como sempre, gosto muito de ouvir histórias a começar pela de Toledo e, ao visitar o empresário Beto Inácio das casas das pistolas e bombas, ele me passou duas notícias maravilhosas. A primeira de ele ter sido um dos “meninos” da irmã Luiza e a segunda, de que foi amigo do meu amigo e advogado Dr Mauri Refatti.

Caso antigo envolve Beto Inácio das casas das pistolas e o advogado Mauri Refatti vem à tona.

Contou-me Beto que, começou sua vida pública aos 14 anos como office-boy na prefeitura no ano de 1984. La, atendia a todos e como sempre fez, buscava aprender os ofícios com seus superiores e um deles era o hoje, Dr.Mauri Refatti. Não perdi meu tempo e, marquei um café com os dois na sede da Gazeta de Toledo sem que “ambos soubessem”.

Caso antigo envolve Beto Inácio das casas das pistolas e o advogado Mauri Refatti vem à tona.

Digo a todos que, quando teu passado, tudo aquilo que você viveu a época ao longo dessa vida, as experiências (boas e ruins) vieram à tona no bate papo do dois. Um momento foi esplendido, pois hoje, de estranhos na mesma cidade, voltaram a viver os momentos daquele período por mais de 1h. Não posso contar tudo aqui, mas são bem cabeludas, apesar de um deles estar careca e o outro tentando manter os ralos cabelos existes.

Operação westcida

O Ministério Público do Paraná (GAEMA), a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (ADAPAR), do Ibama, do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFRON) e do Batalhão de Polícia Ambiental (BPAMB) irão apresentar a imprensa os resultados da operação força tarefa contra os agrotóxicos ilegais no paraná nesta sexta-feira as 10h na Associação Regional dos Engenheiros Agrônomos de Cascavel (Areac).

%d blogueiros gostam disto: