Thursday, July 9, 2020
Isenção e Verdade


Apaixonado por aviação é o primeiro a embarcar em Campo Mourão

Apaixonado por aviação, o corretor de imóveis Luis Carlos Barroso, morador em Mamborê, foi o primeiro passageiro do Voe Paraná….

Por redacao gazeta , em Estadual , no dia22 de outubro de 2019, 16:30h

Apaixonado por aviação, o corretor de imóveis Luis Carlos Barroso, morador em Mamborê, foi o primeiro passageiro do Voe Paraná. Ele embarcou no voo que saiu de Campo Mourão com destino a Curitiba por volta das 8 horas desta terça-feira (22). “Quando saiu o Voe Paraná já fiquei antenado. Quando saiu a comercialização, já comprei”, conta. Ele viajou a trabalho para a capital.

Entusiasmado com a iniciativa, Barroso disse que torce para que o programa se consolide. “Quero que de muito certo”, afirmou. Segundo ele, a região Centro-Oeste do Paraná é muito pujante e precisava de uma ligação direta com Curitiba e outras praças. O corretor relatou que fez um voo tranquilo. “A aeronave é excelente”.

O primeiro avião do programa Voe Paraná também teve como passageiro o engenheiro Gustavo Rafael Collere Posseti, que comemorou a nova alternativa de deslocamento entre as duas cidades. “Cumpri agenda de trabalho ontem no Interior e já sigo minha vida profissional na Capital ao longo do dia. Essa nova opção foi benéfica, sem dúvida alguma, para dar continuidade a atividades do dia a dia sem o tempo de estrada”, enfatizou.

O Voe Paraná é o maior programa de aviação regional da Gol no País. Os trechos são operados em parceria com a empresa TwoFlex. O trajeto entre Campo Mourão e Curitiba deu início a este novo mapa aéreo no Estado, que conta com 67 novos voos semanais entre a capital e cidades do interior – Guarapuava e Apucarana vão entrar nessa rede nas próximas semanas.

FREQUÊNCIA – Os voos entre Campo Mourão e Curitiba serão sempre às 7h20, às segundas, terças, quintas e sábados. O trajeto oposto será às 20h30, às segundas, quartas, sextas e domingos.

Campo Mourão tem quase 100 mil habitantes, mas a região Centro-Oeste abriga mais de 300 mil pessoas. É um polo produtor de trigo, milho, seda e sede de uma das maiores cooperativas da América Latina, que é também a 23ª maior empresa exportadora do País.

O prefeito de Campo Mourão, Tauillo Tezelli, disse que a nova rota aérea é fundamental para integrar toda a região com o resto do País. “É um movimento importante para a cidade. Todos temos a ganhar. É a valorização de Campo Mourão enquanto um centro regional, um polo de desenvolvimento”, destacou. “Os encurtamentos de distância e do tempo de viagem gerarão grandes oportunidades para a cidade”.

DESENVOLVIMENTO – Para Alcir Rodrigues da Silva, presidente da Associação Comercial e Industrial de Campo Mourão (Acicam), que atua como empresário no ramo de artigos de esporte e lazer, a nova linha aérea traz perspectivas inovadoras para a cidade e região. “É uma oportunidade que poucos municípios brasileiros têm. Aqueles que precisam viajar até a Capital ganharam uma facilidade. Estaremos mais próximos. O mercado hoje em dia exige agilidade nas tomadas de decisões, na formalização de negócios”, pontuou.

Segundo o empresário Denir Daleffe, do setor de turismo, a linha aérea deve atrair novos investimentos para a cidade. “Essa conectividade com outras cidades do País e do mundo pode gerar divisas, atrair investidores e empresas de fora, e também aumentar, evidentemente, o nosso potencial turístico. Nós estamos mais próximos dos grandes centros urbanos”, afirmou. “É um programa que também favorece o deslocamento de pessoas que tenham que ir a Curitiba para tratamento médico. A aviação encurta as distâncias”.

A empresária Luciane Dias, que atua no setor imobiliário, emendou que a inserção da cidade no roteiro aéreo estadual gera uma expectativa em relação ao desenvolvimento regional. “É a cidade literalmente de volta ao radar. Estamos mais perto da Capital e de outros centros importantes do nosso País”, destacou.

BOX

Paraná tem a maior malha aérea regional da Gol do País

O programa Voe Paraná foi estruturado para incentivar a aviação regional no Estado. A Gol e a empresa de táxi-aéreo TwoFlex oferecem ligação aérea partindo e chegando a doze municípios que têm entre 32 mil e 155 mil habitantes. Foram contemplados Paranaguá, Arapongas, Campo Mourão, Francisco Beltrão, Paranavaí, Cianorte, Telêmaco Borba, Cornélio Procópio, União da Vitória, Apucarana, Guarapuava e Guaíra.

O programa opera com aeronaves Cessna Grand Caravan, com até 12 lugares (nove passageiros e três tripulantes). Nesta semana começaram a funcionar 67 voos semanais para dez cidades, mas até dezembro Apucarana e Guarapuava também ganharão voos semanais.

A Gol oferta 14 mil assentos por dia no Estado, 4º maior do País, atrás apenas de São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal. Entre as cidades de maiores destinos estão Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Porto Alegre, Foz do Iguaçu, Maringá e Cascavel. A companhia ainda conta com voos regulares para Londrina.

Fonte: Agência de Notícias do Paraná

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
%d blogueiros gostam disto: