Saturday, February 22, 2020
Isenção e Verdade


Pig Data fortalece ecossistema de tecnologia e inovação da região Oeste

A Convenção Pig Data 2019, que aconteceu de 09 a 11 de outubro, no Biopark, deixou como mensagem principal a…

Por redacao gazeta , em Cidade , no dia14 de outubro de 2019, 14:39h

Clique Aqui


A Convenção Pig Data 2019, que aconteceu de 09 a 11 de outubro, no Biopark, deixou como mensagem principal a importância da tecnologia e da inovação para o desenvolvimento dos mais diferentes setores, com destaque para o Agronegócio e a Indústria – temas principais do evento.

Foram três dias com palestras, painéis, batalhas de robôs, desafios de drones, hackathon e cursos como os de Chatbot e Arduino – que contaram com a participação também de alunos de colégios de Toledo. Durante palestras e painéis foram levantadas discussões relevantes, como a necessidade do aumento da produção mundial de alimentos e como a tecnologia pode trazer soluções para a agricultura e ainda os desafios da tecnologia na indústria.

O ecossistema do Biopark e seus avanços foram apresentados pelo Gerente de Marketing e Negócios do Biopark, Paulo Victor Almeida, no painel “Inovação, Inteligência Artificial e Negócios”, realizado na abertura do evento, e ainda durante um bate-papo aberto aos visitantes do Pig Data. “O Pig Data está relacionado com o que fazemos no Biopark, que é criar uma sinergia entre diferentes Instituições. Receber os participantes aqui foi uma oportunidade de apresentar nosso ecossistema, mostrar o que fazemos e a forma como pensamos”, destaca Paulo Almeida.

De acordo com Marcio Pinheiro, Presidente da IGuassu-IT, entidade organizadora do evento, a Convenção mostra a importância da área de tecnologia para a região. “Nesta segunda edição do Pig Data chegamos com mais força, mais parceiros em um evento mais robusto. Foi uma ótima oportunidade de agregar conhecimento e mostrar que a tecnologia e a inovação hoje permeiam todos os negócios, não existe nada que funcione sem tecnologia”, comenta.

Hackathon

Durante o evento foi realizado o “Hackathon Desafio Pig Data”, que teve como tema a “Utilização do Big Data para resolução de problemas da indústria farmacêutica”. As equipes inscritas tiveram a oportunidade de participar de mentorias, como explica Fernando Botelho, da Diretoria do Iguassu-IT. “A nossa proposta era um problema principal a ser resolvido, sendo que a solução poderia ter conceitos de inteligência artificial e Big Data. Durante o evento, os inscritos no desafio puderam participar de curso de Watson, Marketing Farmacêutico, Gestão de Projetos e Inteligência Artificial, além de mentorias da Prati-Donaduzzi e da Trade Technology, que é representante da IBM”, comenta. Quatro equipes foram para a final, que acontecerá na próxima sexta-feira, dia 18 de outubro.

%d blogueiros gostam disto: