Saturday, February 22, 2020
Isenção e Verdade


Baderna no Parque do Povo

Uma grande baderna foi registrada pela PM de Toledo no Parque do Povo Osvaldo Hoffmann, neste domingo, 13, onde uma…

Por redacao gazeta , em Segurança , no dia14 de outubro de 2019, 11:43h

Clique Aqui



Uma grande baderna foi registrada pela PM de Toledo no Parque do Povo Osvaldo Hoffmann, neste domingo, 13, onde uma aglomeração de pessoas em posse de veículos equipados com som em volume excessivamente alto, ingerindo bebidas alcoólicas, fazendo algazarra e malabarismos
com motos.

Parque do Povo é um dos principais ponto de encontros de famílias nos finais de semana em Toledo

Várias viaturas se deslocaram até o parque do Povo para acabar com a algazarra. Com a chegada das viaturas, diversos veículos empreenderam fuga, mas ao ser abordado um motoqueiro de 20 anos de idade, que pilotava uma Honda CG 125, não acatou a ordem e continuou a fuga em alta velocidade, esquivando-se por meio de veículos que por ali
transitavam, colocando em risco a integridade física própria e de todos. Durante o acompanhamento tático, o condutor invadiu a preferencial no
cruzamento da Rua Alameda das Águas com a Av. João Bortolotto, quase vindo a colidir com um veículo Ford Fiesta, que estava trafegando pela rotatória, e seguiu sentido a Rua 13 de Abril.

A equipe da polícia Militar de por várias vezes voz de abordagem, fazendo uso de sinais luminosos e sonoros. Quando estavam nas proximidades do salão de festas Recanto Verde, a viatura estava ao lado da motocicleta, o qual demonstrou que acataria a voz de abordagem, reduziu a velocidade até parar e ficou com as mãos levantadas, conforme ordem emanada pela equipe policial. Porém, no momento em que a equipe estava desembarcando da viatura, novamente o condutor empreendeu fuga, sendo retomado o acompanhamento da motocicleta, onde o condutor começou a realizar manobras para demonstrar pericia, deitando sobre o banco da motocicleta, se equilibrando em apenas uma das rodas e fazendo movimentos em “zigue-zague” em toda a extensão da pista de rolamento, inclusive vindo a trafegar pela contramão de direção da via até que, na esquina com a Rua Rayson Caetano do Carmo, o condutor perdeu o controle da direção e acabou caindo da motocicleta, sendo abordado.

Após a abordagem, foi realizada consulta via sistema e constatou-se que o condutor não possuía CNH, e ao verificar as condições de conservação da motocicleta, foi constatado que esta estava com a tarjeta de município alheio ao do registrado no documento, além de apresentar avançado nível de desgaste do pneu traseiro.

O condutor foi submetido ao teste etilométrico, quee após realizado o teste com o volume de álcool constatado foi de 0,36 mg/l, sendo considerado o valor de 0,32 mg/l, o que acabou acarretando em enquadramento nos termos do Art. 306 do CTB.

Ao motoqueiro foi dada voz de prisão pelo crime de dirigir sob a influência de álcool e foi encaminhado a 20ª SDP para tomada das medidas , a moto encaminhada ao pátio da Guarda Municipal.


%d blogueiros gostam disto: