Saturday, July 4, 2020
Isenção e Verdade


Intenção de consumo dá novo salto no Paraná

O índice passou de 107,1 pontos em agosto para 109,9 pontos em setembro. O índice de Intenção de Consumo das…

Por redacao gazeta , em Economia , no dia25 de setembro de 2019, 08:53h

O índice passou de 107,1 pontos em agosto para 109,9 pontos em setembro.


O índice de Intenção de Consumo das Famílias (ICF), apurado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e divulgado pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), deu novo salto no Paraná. O índice passou de 107,1 pontos em agosto para 109,9 pontos em setembro, indicando a retomada do consumo entre as famílias, depois de reduções significativas nos meses de junho e julho.

Na variação anual, houve alta de 6,4%, acompanhando a evolução nacional do indicador. No entanto, enquanto no Paraná o índice voltou ao patamar positivo (acima de 100 pontos) desde o mês passado, a média nacional ainda é considerada desfavorável, com 92,5 pontos em setembro e elevação mensal de apenas 0,3%.

Entre os pontos analisados para composição do indicador, apenas o Momento para Compra de Bens Duráveis teve queda na variação mensal. Os demais tiveram melhora em relação a agosto, com destaque para Perspectiva de Consumo (8,4%), Emprego Atual (3,2%) e Nível de Consumo Atual (3,1%). Na variação anual, todos os quesitos apresentaram aumento, com exceção para a Perspectiva Profissional (-7,3%), o que revela que os paranaenses ainda não vislumbram evolução salarial nos próximos meses. Os itens Nível de Consumo Atual (16,5%), Perspectiva de Consumo (16,1%) e Acesso ao Crédito (15%), apresentaram as maiores elevações na comparação com setembro de 2018.

O índice ICF de setembro foi impulsionado pela perspectiva das famílias de menor renda (até 10 salários mínimos), dentre as quais o indicador subiu de 104,5 pontos em agosto para 108,6 pontos neste mês, com crescimento em todos os indicadores. Já entre as famílias com renda superior a 10 salários mínimos, o índice recuou de 119,3 pontos no mês passado para 116,2 pontos em setembro.

Fonte: Fecomércio- PR. Texto: Karla Santin.


Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
%d blogueiros gostam disto: