Tuesday, July 16, 2019
Isenção e Verdade


Visão míope?

São intrigantes algumas decisões tomadas por vereadores quando se trata de “bem representar”.  Nas emendas ao projeto de Lei 101/19,…

Por Eliseu Langner de Lima MTPR 11737 , em Gente x Poder , no dia12 de julho de 2019, 17:32h

Clique Aqui


São intrigantes algumas decisões tomadas por vereadores quando se trata de “bem representar”.  Nas emendas ao projeto de Lei 101/19, que trata das metas e prioridades do executivo, pediram a redução dos valores propostos ao Legislativo para 2020 a meu ver, é muita pequenez.  Primeiro por que essa casa de Leis de Toledo aqui no Paraná é exemplar em termos de gestão começando pela financeira que nunca ultrapassou 50% dos seus 6% de direito.

Visão míope? I

Refiro-me a redução dos valores orçamentários destinados a manutenção da Câmara Municipal de Toledo onde os ex-presidentes se preocupavam apenas em chegar ao final de cada ano, tirar uma “fotinha” da devolução de grana ao executivo o diretor comprava tinta e pincel com grana de seu bolso e foi lambuzar as paredes da sala de imprensa se vangloriando que estava “zelando pela grana do povo” (hipócrita) e míope.  Zelar pelo erário público é o que foi feito nessa atual direção, contratar profissionais que resolvem os problemas é não “tapear” os contribuintes.

Visão míope? II

Ver todos os vereadores de base assinar a emenda nº 01 do projeto 101/19 pedindo a redução dos valores orçamentários para mim é mais que um retrocesso. Se há saldo em caixa o porquê, de não investir em equipamentos mais evoluídos tecnologicamente? O porquê, não dar melhores condições estruturais de trabalhos aos servidores? O porquê, não investir em segurança eletrônica, digital e física?   O porquê, não dispor de mais verbas para treinamentos, aperfeiçoamentos e capacitação a gestores e servidores?  O porquê não investir na mídia via agencia?

 Visão míope? III

Estou referindo-me apenas da emenda da Câmara Municipal de Toledo. Não venham me encher o saco dizendo que a saúde, a educação bla..bla..bla…tem prioridade por que dessas “obrigações” nos já sabemos e iremos cobrar sempre. Parabéns Antônio Freitas “Zoio”. Como você mesmo diz “a minha falta de formação” não me impede de aplicar os “conhecimentos” e assim, vou realizando aquilo que, muitos “letrados”, ditos “inteligentes” só cacarejaram. Creio que se existe saldo na conta, deve ser aplicado nas necessidades do “poder legislativo” e não devolvido.

E o caso Duster?

Essa denúncia feita por esse jornal há quase dois anos e está sem respostas ainda. A última informação que obtive junto ao MP, era de que, o acusado Claudemiro não tinha sido ouvido devido o mesmo se encontrar em “tratamento”. Mas acredito no MP e, se a Lei permitir, o mesmo poderá fazer a “oitiva” no local de tratamento do citado.

Duster amaldiçoada?

Um leitor, que reside próximo da cidade de Virmont aqui no Paraná, disse ter visto à famosa “duster-bronzeada” estacionada com problemas de motor ali perto de sua cidade. Segundo o leitor que acompanhou toda a denúncia e em tom irônico a esse colunista perguntou se essa Duster é amaldiçoada? Claro, sem respostas. Agora, minha curiosidade é em saber se o problema do motor foi o mesmo da outra vez que ela esteve na praia? Deve haver garantia da mecânica, creio.

Assembleia do Ciscopar

Um dos meus “urubus”, apenas gruneou-me que, na assembleia do Ciscopar realizada em Terra Roxa foram aprovados R$ 50 de acréscimo ao vale alimentação e 5,7% de reposição salarial, conforme pedido do sindicato da categoria. Demais temas, iremos reproduzir em outras edições.

Barão fechada
A Secretaria de Segurança e Trânsito de Toledo comunica que todo o estacionamento da Rua Barão do Rio Branco no trecho compreendido entre a avenida J.J. Muraro e a Rua Piratini estarão bloqueadas a partir do próximo sábado (13) à noite, permanecendo fechado até segunda-feira (15) de manhã. O Departamento de Trânsito (Deptrans), por meio da Empresa de Desenvolvimento Urbano e Rural de Toledo (Emdur) irá refazer no domingo (14), a pintura da sinalização horizontal e demarcação do estacionamento nesta extensão da via.