Tuesday, July 16, 2019
Isenção e Verdade


O Ciscopar e os imbróglios de gestão

Meus “urubus-cisco” estão mais que revoltados com o que se passa por dentro do consórcio Ciscopar. Segundo eles, aquilo que…

Por Eliseu Langner de Lima MTPR 11737 , em Gente x Poder , no dia11 de julho de 2019, 15:02h

Clique Aqui


Meus “urubus-cisco” estão mais que revoltados com o que se passa por dentro do consórcio Ciscopar. Segundo eles, aquilo que deveria ser “transparente”, aos olhos da maioria daqueles que trabalham por lá, na maioria das vezes é feito “sorrateiramente” na mais absoluta não “transparência”. Esse colunista vai transcrever parte dos textos e informações que chegam a esse canal, que, cumpre com sua obrigação de tornar os fatos “público” para que as autoridades em suas competências façam as investigações necessárias

O Ciscopar e os imbróglios de gestão I

O edital de assembleia do Ciscopar foi publicado, ela vai acontecer nessa sexta feira dia 12!  Algumas perguntas estão no ar ainda com relação à assembleia passada e da próxima. Vamos aos fatos :  Novamente uma assembleia será realizada fora do município de Toledo. (Será realizada em Terra Roxa, a outra foi realizada em Mercedes). Não que seja obrigatório ser realizada na cidade sede do Ciscopar, mas é que quando os assuntos pautados são ‘preciosos’ a ideia da atual gestão é esconder os fatos.

O Ciscopar e os imbróglios de gestão II

Porque motivos os funcionários não podem mais comparecem as assembleias? – Será por isso que será realizada em Terra Roxa, para que nenhum funcionário do Ciscopar possa participar, visto que a última TODOS FORAM PROIBIDOS DE COMPARECEREM fato esse que ocorre desde o tempo do então presidente Gilberto Salvador e quando os servidores puderam participar foi para homenagear o ex-diretor, aquele do GAECO.

O Ciscopar e os imbróglios de gestão III

Com a NÃO presença dos funcionários, que gostariam de saber o que será aprovado, principalmente quanto ao porcentual de aumento salarial, será por isso que os diretores estão de portas fechadas tentando achar uma maneira de ignorar os percentuais propostos pelo sindicato? Se fosse pelo diretor administrativo, esse até diminuiria o salário dos funcionários! Já o dele ele fez a análise para reduzir, conforme questionado?

O Ciscopar e os imbróglios de gestão IV

Ainda quanto à questão salarial, na última assembleia, aquela que foi feita às escondidas no município de Mercedes que foi questionado por um prefeito, para que fosse revisto os salários dos DIRETORES, CONTROLE INTERNO, JURÍDICO E SECRETARIA EXECUTIVA, será por isso que estão fazendo com tanto tempo de distância entre as assembleias, para que os prefeitos ou a população esqueçam-se do que foi questionado na última assembleia?

O Ciscopar e os imbróglios de gestão V

E o pedido feito por aquele prefeito na última assembleia para a redução salarial dos diretores, foi feito?  O engraçado e ver que os salários de algumas classes (trabalhadora) do Ciscopar serem tão baixos e dos diretores (alguns inúteis) que estão no topo da hierarquia bem apadrinhados que nada ou pouco produzem tem seus salários tão altos?

O Ciscopar e os imbróglios de gestão VI

O que Ricardo, Vitor, Marlei e Viviane, teriam a dizer quando se fala em ajustar os salários dos servidores totalmente defasados e chegar pelo menos próximos dos de vocês que estão na faixa de 8, 9, 10 mil? O que vocês acham de também baterem o PONTO e cumprirem os horários para acabar com as dúvidas de quando precisa falar com “fulana” saberem que a mesma está no prédio e não no shopping fazendo compras? Nós temos fotos que comprovam alguns “passeios” de “sicrana” que não compareceu, nem hoje e nem ontem, aliás, faz dias. Isso tudo isso será levado à discussão na assembleia?

O Ciscopar e os imbróglios de gestão VII

Nessa assembleia também será debatido a questão dos médicos sem especialidades que foram denunciados pela Gazeta de Toledo que estavam atendendo nas unidades do Ciscopar, que teve o CRM de Curitiba vindo a Toledo e causou aquele alvoroço nas diretoras que corriam de sala em sala para possivelmente esconder os papeis, guias, plaquinhas, fichas e tudo que serviriam de provas, quando chegaram os auditores do CRM?

O Ciscopar e os imbróglios de gestão VIII

O que aconteceu com o médico que era gerente da área médica, foi exonerado do cargo? Reza a rádio peão do Ciscopar que no CEP que o eliminaram por que ele queria fazer a coisa certa, mas, …! Essa denúncia em breve ocupará várias páginas aqui na Gazeta de Toledo, por essas razoes meus queridos “urubus”, fiquem atentos!