Saturday, March 28, 2020
Isenção e Verdade


Ser mãe

“Quem disse que ser mãe é padecer no paraíso?” É paradoxal ter um paraíso para desfrutar e fazer o contrário…

Por redacao gazeta , em Claudete Lovera , no dia10 de Maio de 2019, 16:29h

Clique Aqui


“Quem disse que ser mãe é padecer no paraíso?”

É paradoxal ter um paraíso para desfrutar e fazer o contrário do que um paraíso proporciona. Não faz sentido uma mãe, padecer, ou seja, sofrer no paraíso.

Ser mãe, para a grande maioria das mulheres é se realizar como mulher, é potencializar ainda mais a força feminina que cada uma de nós temos.

Ser mãe é amar e aumentar o nível de amor. É viver a fase mais incrível de uma mulher, a de gerar e cuidar de outros seres humanos.

Ser mãe é descobrir, a cada passo dos seus filhos, o seu poder transformador de levantá-los quando caem, de cuidar de suas feridas até que sejam cicatrizadas.

Ser mãe, muitas vezes é minimizar a dor dos filhos, ora suportando, ora compartilhando com eles, as cargas impelidas pela vida.

Ser mão é imitar a fertilidade da Terra, é nutrir e cultivar cada semente que brota no ventre.

Ser mãe e amadurecer e usar da sabedoria que lhe é dada para conduzir os passos em falso e acompanhar os passos firmes.

Ser mãe é aproveitar ao máximo o paraíso e tirar de cada queda uma lição que sirva também para os seus filhos.

Ser mãe é um dom Divino, um presente dado às mulheres para que passem pela Terra com mais significado e para que saibam como lidar com a Missão de ser uma das grandes responsáveis pela Vida.

%d blogueiros gostam disto: