Friday, December 6, 2019
Isenção e Verdade


Repasse de kit feira representa conquista de mercado para produtores de Altônia

Os produtores agroecológicos do município de Altônia entram em um novo patamar de comercialização de seus produtos. Recentemente a Associação…

Por redacao gazeta , em Regional , no dia2 de maio de 2019, 17:18h

CMIX.GIF

Clique Aqui


Os produtores agroecológicos do município de Altônia entram em um novo patamar de comercialização de seus produtos. Recentemente a Associação de Produtores Agroecológicos de Altônia foi contemplada com o repasse de um kit feira, por intermédio de parceria da Itaipu Binacional e o Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itiapu, pelo Convênio Linha Ecológica.

Com os novos equipamentos disponíveis, os produtores, assistência técnica e setores ligados à agricultura familiar, se unem para definir a melhor forma de utilização dos materiais. Uma reunião ocorreu na última semana, quando os temas foram colocados em pauta.

O técnico da Cooperativa de Trabalho e Assistência Técnica do Paraná (Biolabore), Thiago De Lai, que presta serviço à associação, ressalta que deve ser trabalhado um formato de exposição dos produtos. “A ideia é implementar uma rede de consumidores no Whatsapp”, ressalta. “Na verdade ainda estamos definindo como tudo vai funcionar”, complementa.

Desde o início da assistência técnica em 2015, agora atinge-se maior desenvolvimento com a conquista de mercado, equipamentos e estruturação, segundo De Lai.

O progresso é importante, conforme o técnico da Biolabore, tendo em vista que os produtores alcançam seu próprio canal de comercialização, diferente do fornecimento de merenda escolar, que já era trabalhado.

Parceria

O Convênio Linha Ecológica, que atua com Educação Ambiental e Cultura, uma parceria entre Itaipu Binacional e o Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itiapu, viabilizou a entrega de 220 ‘kits feira’ para as organizações de agricultores familiares da região. A ação foi possível através de uma integração e interface entre os Programas de Educação Ambiental e o Programa de Desenvolvimento Rural Sustentável da Itaipu Binacional.

O presidente do Conselho dos Lindeiros, Leomar Rohden (Mano), destaca que, com o objetivo da estruturação das iniciativas de feiras agroecológicas, foram fornecidos os kits para as organizações de produtores e feirantes de 27 municípios: Altônia, Cascavel, Céu Azul, Diamante D’Oeste, Entre Rios do Oeste, Foz do Iguaçu, Guaíra, Itaipulândia, Marechal Cândido Rondon, Matelândia, Mercedes, Missal, Mundo Novo (MS), Nova Santa Rosa, Ouro Verde do Oeste, Palotina, Pato Bragado, Quatro Pontes, Ramilândia, Santa Helena, Santa Tereza do Oeste, Santa Terezinha de Itaipu, São José das Palmeiras, São Miguel do Iguaçu, São Pedro do Iguaçu, Toledo e Vera Cruz do Oeste.

Os kits

O investimento do Convênio é de R$543.274,60, por meio de termos de comodato. Os equipamentos ficam sob a guarda dos feirantes com critérios estabelecidos entre Itaipu Binacional e o Conselho dos Lindeiros. Cada kit é composto por uma barraca, quatro badanas, quatro aventais, dois bancos de plástico, duas mesas de plástico, quatro caixas plásticas modelo alto e seis modelo baixo, e uma gôndola expositora de caixas.

%d blogueiros gostam disto: